3 Passos Para Montar Orçamento De Marcenaria Para Cliente

Montar orçamento de marcenaria para cliente pode parecer uma tarefa complicada, mas entendendo os pontos importantes que devem ser considerados na hora da precificação, essa tarefa se torna bem mais simples do que você imagina.

Portanto, se você deseja que seus serviços sejam lucrativos, mas também entreguem valor aos compradores, é preciso montar um orçamento antes de dar início a qualquer projeto.

Quer saber como fazer isso? Confira!

Como montar orçamento de marcenaria para cliente?

O orçamento é essencial tanto para você, marceneiro, quanto para seu cliente. Isso porque esse documento permite que o consumidor esteja ciente dos gastos que terá com o projeto, ao mesmo tempo que garante ao profissional a remuneração adequada.

Confira os três passos para montar orçamento de marcenaria para cliente.

1. Entenda o que seu cliente deseja

Antes de mais nada, é preciso alinhar com seu cliente o que ele deseja como resultado do projeto e analisar se a ideia realmente faz sentido.

Aqui é o momento de você utilizar a expertise de marceneiro que você tem para orientar o consumidor e garantir que o trabalho tenha uma boa qualidade.

Para entender melhor, vamos imaginar o seguinte cenário: um cliente solicita um closet para o novo quarto da casa, ele te mostra algumas inspirações e indica as características que ele busca nesse produto.

Porém, como especialista, você percebe que o espaço onde será montado o closet é pequeno e não permitirá que os moradores tenham espaço suficiente no cômodo após a instalação.

Nesse caso, mesmo com uma produção eficiente e um bom investimento em materiais de qualidade, o resultado não será funcional para o cliente. Portanto, sua missão aqui é orientar as melhores opções e tentar encontrar uma solução para que esse consumidor fique satisfeito e identifique o bom custo-benefício dos seus serviços.

2. Calcule os gastos

Nesta segunda fase, você deverá colocar no papel todos os custos do projeto. Para isso, é preciso considerar:

  • custos fixos, como aluguel e salário;
  • custos variáveis, como ferramentas e materiais utilizados.

Além disso, é importante considerar um valor reserva para caso algum imprevisto venha a acontecer durante o processo, como a reposição de itens ou quebra de equipamentos indispensáveis.

3. Defina os valores 

Por fim, chegou na última etapa da criação de um orçamento de marcenaria para cliente: a hora de definir os valores do seu serviço. O cálculo é simples:

  1. defina o lucro que você deseja ter e some com o total dos gastos que você terá durante a execução do projeto;
  2. divida o resultado pelo número de dias trabalhados no mês;
  3. divida o valor total pelo número de horas trabalhadas no projeto.

Para simplificar, vamos ver isso em números: 

  1. imagine que definimos nosso lucro desejado como R$100,00 e teremos um gasto de R$150,00 no projeto. Aqui, o resultado da soma será de R$250,00;
  2. levaremos dois dias para executar o serviço, portanto, vamos dividir R$250,00 por dois, resultando em R$125,00;
  3. por fim, dividiremos R$125,00 pelas horas trabalhadas, que neste exemplo será cinco horas. Assim, temos R$25,00 como valor da hora de trabalho.

Pronto! Agora você já sabe o valor da sua hora de trabalho.

Uma dica é arredondar esse valor para alguns números acima do resultado da conta. Assim, você terá oportunidade de negociar descontos caso o cliente deseje.

Além de montar orçamento de marcenaria para cliente da maneira correta, também é importante fazer com que as pessoas conheçam seus serviços e vejam a qualidade e custo-benefício do trabalho. Por isso, aprenda como divulgar sua marcenaria e conquiste mais clientes para seu negócio!

 

Encontre os revendedores em sua cidade

Aqui você encontrará todas informações dos revendedores Duratex.